Seguro celular vale a pena? - ConectaValle

Seguro celular vale a pena?

De acordo com as estatísticas divulgadas esse ano pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil sofre com 97 furtos/roubos de celulares a cada hora, tendo as capitais de São Paulo e Rio de Janeiro como recordistas destes números.

Atualmente, os celulares são indispensáveis em nossas vidas, pois ele pode ser ferramenta de comunicação, trabalho, estudo, lazer e até mesmo pagamentos. Por isso, adquirir um aparelho novo pode custar caro e precisa ser usado por um bom tempo para valer o investimento. Considerando os altos números de roubos e furtos de smartphones em nosso país, o seguro celular tem se tornado uma alternativa. Mas ele vale realmente a pena? Confira com a gente.

 

Como funciona um seguro para celular?

Um seguro para celular funciona da mesma forma que um seguro de carro. Uma apólice é paga mensalmente para cobrir os custos parcial ou totalmente para consertar/substituir o aparelho em caso de furto, roubo ou acidente e costumam ter validade de um ano. Os valores dependem do modelo, marca e ano de lançamento do seu celular e variam de uma seguradora para a outra. Ou seja, pela lógica, um celular mais moderno e de modelo mais recente terá uma apólice mais cara que a dos demais.

 

Quais são as coberturas?

Cada empresa ou seguradora oferece coberturas diferentes em suas apólices. Os planos mais básicos costumam incluir proteção de quebra, queda e causas externas, como tentativa de roubo, incêndio, pane por descarga elétrica etc. Além disso, também existe a cobertura para assaltos com ameaças a mão armada e/ou violência e furto qualificado, sendo necessário provar o furto e registrar boletim de ocorrência.

De forma eletiva, também existem coberturas contra danos elétricos causados por oscilações de energia, raios, curto-circuito, líquidos, quedas acidentais na água e danos físicos causados por acidente de carro, atropelamento, além de cobertura internacional.

 

Como acionar o seguro?

Se você precisar acionar o seguro, a empresa irá solicitar a nota fiscal do aparelho e outros documentos necessários, como boletim de ocorrência ou orçamentos de conserto, para liberar o valor contratado ou enviar um novo celular, idêntico ao que foi roubado/danificado. O prazo pode variar entre 7 a 30 dias, desde quando a seguradora for comunicada.

 

Para quem vale a pena fazer seguro do celular?

Para saber se é vantajoso investir num seguro, é importante avaliar, além do seu aparelho, o seu estilo de vida. Exemplo: se seu smartphone for de linha intermediária, avançada ou topo de linha; se foi recém adquirido, pago à vista ou de forma parcelada, é interessante que você tenha esse recurso. Em relação ao seu estilo de vida, se você trabalha fora, usa transporte público e tem vida social agitada, também deve ser levado em consideração.

Esses são casos em que vale a pena gastar um pouco mais pela sua tranquilidade em conseguir reparar ou repor o seu aparelho sem mais dores de cabeça.

 

Além dos cuidados diários que você deve ter com seu aparelho, como usar película, capinha, cuidar para que ele não caia e prestar atenção nos líquidos que estão em volta, leve em consideração a possibilidade de adquirir um seguro celular. Fale com a gente e faça já a sua cotação na ConectaValle!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima