SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL: O QUE É, PARA QUE SERVE E QUEM PODE CONTRATAR - ConectaValle

SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL: O QUE É, PARA QUE SERVE E QUEM PODE CONTRATAR

Descubra mais informações a respeito do seguro de responsabilidade civil, as principais características deste serviço e quais são as suas indicações

 

 

O seguro de responsabilidade civil tem como principal objetivo garantir ao segurado uma indenização em caso de danos corporais/materiais causados a terceiros de forma não intencional. Um bom exemplo de uso deste recurso são as empresas que procuram proteger seus colaboradores que realizem alguma atividade de risco em seu dia a dia de trabalho ou profissionais liberais a fim de se protegerem contra indenizações judiciais. Acompanhe mais detalhes sobre esse serviço em nosso artigo.

 

O que é responsabilidade civil?

Desde os nossos primórdios, o ser humano se adaptou durante a evolução para conviver em sociedade. Essa organização levou à criação de regras de convivência, boas maneiras e respeito mútuo, que desaguaram no equilíbrio e na colaboração. Assim, é possível afirmar que a responsabilidade civil é um aspecto muito importante da vida em sociedade, pois considera que, quando um prejuízo for causado a alguém, será de responsabilidade de quem o causou arcar com a reparação deste dano.

Para além disso, essa determinação também está resguardada em lei, pois consta no Código Civil Brasileiro. Alguns exemplos comuns são os acidentes de trânsito, para os quais acionamos os seguros, ou algum outro tipo de dano moral, em que prejudicamos alguém de alguma forma.

 

Como funciona o seguro de responsabilidade civil?

O seguro de responsabilidade civil, também chamado de RC, funciona basicamente como um seguro qualquer. Sendo assim, o segurado contrata uma apólice de acordo com as suas necessidades e se compromete a repassar mensalmente o valor acordado à seguradora. Desta forma, toda e qualquer reparação dos prejuízos causados a terceiros estará coberta. O valor máximo a ser custeado também estará indicado na apólice.

No mercado das seguradoras, a cobertura do seguro de responsabilidade civil pode trazer diversas variações dentro do próprio produto e de quando ele é ofertado. É muito comum que outras modalidades de seguros ofereçam coberturas adicionais de responsabilidade civil. Um bom exemplo é o seguro auto, que além de dispor de cobertura básica para proteger o próprio veículo, as coberturas de danos causados a terceiros aparecem como um possível adicional para que o patrimônio esteja protegido contra perdas decorrentes da obrigação de ressarcir financeiramente outra pessoa.


A indenização é garantida em 100% dos casos?

Não. A cobertura do seguro é garantida na grande maioria dos casos, mas é preciso frisar que ela vale apenas nos casos em que o prejuízo não seja um ato ilícito doloso, ou seja, que não seja intencional. O segurado não pode reconhecer a responsabilidade ou confessar a ação, assim como fazer um acordo com o terceiro prejudicado ou indenizá-lo diretamente, sem que a seguradora seja envolvida. Dessa forma, o valor do sinistro será fixado por sentença judicial e irá transitar legalmente até o fim do processo.

 Securo RC protege contra danos materiais, corporais e morais também pode empresas e profissionais em casos de falhas de produtos.

Qual a importância desse recurso?

Adquirir um seguro de responsabilidade civil é muito importante, pois a pessoa passa a estar resguardada de situações imprevisíveis, que certamente seriam muito custosas sem este recurso. Além disso, ela estará preparada para prestar a assistência adequada aos que sofreram com os danos que foram causados pelo segurado, ainda que de forma indireta.

 

Quem pode contratar?

Quando falamos sobre quais pessoas podem contratar o seguro de reponsabilidade civil, a resposta é bem abrangente, seja como pessoa física ou como empresa. Especificamente sobre pessoas jurídicas, é possível adiantar que praticamente todas as áreas de atuação profissional estão cobertas, seja para amparar a empresa ou para resguardar o funcionário.

Também podemos dizer que, historicamente, existem algumas profissões que optam por contratar este seguro com mais frequência. São elas: médicos, advogados, corretores de seguro, corretores de imóveis, engenheiros, arquitetos, agentes de viagem etc. Além disso, com o passar do tempo, conforme novas profissões vão surgindo, como as ligadas a tecnologia, ao digital e manipulação de dados. Ainda que sejam ocupações relativamente novas, não devem ser consideradas como se não tivessem riscos envolvidos, e que as necessidades dessa atuação sejam compreendidas e levadas em conta no momento de contratar o serviço.

 

Seguro RC para profissionais da Saúde: a melhor forma de se proteger contra prejuízos advindos de ações judiciais e de provar sua inocência.

 

 

 

 

Quais são os tipos de seguros disponíveis?

Como falamos acima, existem diversas áreas de atuação que possuem cobertura pelo RC. Logo abaixo iremos listar algumas modalidades úteis para empresas. Veja só:

Responsabilidade Civil Geral: é a modalidade mais comum. É o nome dado ao seguro empresarial que protege de danos materiais, corporais e morais; de despesas e custos causados a terceiros se houver enquadramento na apólice;

Responsabilidade Civil Produtos: tem sua função voltada para a proteção de empresas contra possíveis ações provocadas por falhas nos produtos que forem distribuídos no mercado;

Responsabilidade Civil Ambiental: é a modalidade dedicada à proteção de empresas contra possíveis processos oriundos de quaisquer tipos de danos ambientais.

Responsabilidade Civil Empregador: é dirigida especificamente aos colaboradores de uma empresa em caso de acidentes.

Responsabilidade Civil Crimes Cibernéticos: esse modelo privilegia a segurança das informações dentro das organizações, para atuar em situações de processos decorrentes de vulnerabilidades e ataques virtuais;

Responsabilidade Civil D&O: é um formato específico para a proteção de gestores, executivos e diretores de empresas em geral, para atuar contra reclamações de terceiros por suas ações de gestão ou por falhas administrativas.

Responsabilidade Civil Profissional: modalidade que protege os profissionais liberais em geral  em possíveis acidentes que ocorram durante o exercício de suas profissões, como nos serviços da área da saúde,  advocacia, contábeis, telecomunicações, terceirizados, entre outros.

Responsabilidade Civil Obras: voltado para projetos de engenharia, esse modelo garante a proteção da empresa contra problemas eventualmente causados em obras civis, como reformas, danos a máquinas, serviços de instalação, montagem e desmontagem de qualquer tipo, quando executados em locais de terceiros.

 

Por tudo isso, fica mais evidente que tanto os consumidores quanto as empresas estão mais exigentes com a sua qualidade de vida, administração e tranquilidade. Isso irá aumentar, cada vez mais, a responsabilidade das organizações, operações, serviços, produtos, instalações ou funcionários.

Todo esse processo pode ser facilitado para tranquilizar e dar continuidade à vida e aos negócios. Por isso, é importante contar com uma rede de corretores capacitados, que atue desde a contratação até a intervenção em algum caso de sinistro, te garantindo o atendimento mais ágil e eficiente. Fale com a ConectaValle e faça já a sua cotação!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima